VoltarTodos os artigos
João Fins
Revisto por João Fins
João Fins

Licenciado em Economia e com experiência em finanças pessoais. Como redator no Portal do Crédito, tenho a missão de ajudar esclarecer as dúvidas mais comuns dos nossos leitores, no que aos diferentes tipos de crédito diz respeito.

Crédito Moto: Como Funciona e Onde Simular?

Banner de artigo sobre crédito para motas

Seja para dar uma volta com os amigos, passear ao fim de semana, ou fazer deslocações diárias, comprar uma moto nova ou usada, por vezes, pode significar um investimento avultado para um orçamento familiar.

Deste modo, se já encontrou a moto ideal, é importante descobrir que entidades financeiras disponibilizam o melhor crédito moto em Portugal em 2023.

Assim, neste artigo, vamos explicar-lhe como funciona um crédito para motas, quais as melhores opções do mercado e que documentação terá de enviar para conseguir o financiamento que procura.


Portal Do Crédito

Consiga o Melhor Crédito!

Avaliação Grátis 100% Online Sem Compromisso

RECOMENDADO

SIMULAR JÁ

  • Pouca Burocracia
  • Prazos até 120 Meses
  • Financiamento até 100%
  • Taxas Fixas ou Variáveis

Um crédito moto é um financiamento usado para comprar uma moto nova ou usada. Este género de crédito normalmente pode ser adquirido na forma de crédito automóvel em algumas entidades financeiras em Portugal.

É um empréstimo com algumas vantagens comparativamente com outros créditos pessoais.

Por exemplo, na maioria das financeiras é possível obter financiamento a 100% do valor da mota e os prazos de pagamento podem chegar em alguns casos aos 120 meses.

Outra caraterística comum neste empréstimos é o facto de uma parte das financeiras não cobrar comissões de abertura de contrato e não obrigar o cliente a dar como garantia de pagamento a sua própria mota – reserva de propriedade.

Entidade Financeira TAEG Montante Comissão de Abertura
Cetelem Desde 7,6% 5.000 € – 75.000 € Não
Cofidis Desde 8,9% 1.500 € – 50.000 € Não
ActivoBank Desde 6,6% 1.500 € – 30.000 € 2%
Younited Credit 1.000 € – 50.000 € Não
Dados retirados das financeiras em janeiro de 2023

Apesar de haver diversas entidades onde pode solicitar um crédito para a sua mota, estas são das poucas financeiras que comunicam e destacam o crédito motociclo.

Na Cetelem, Cofidis e Younited Credit, o empréstimo pode ser financiado até 100%, não tem de dar como garantia a sua própria mota e não tem de pagar nenhuma comissão de abertura ou de amortização antecipada.

Já no ActivoBank terá de pagar uma comissão de abertura de 2% (máximo de 300 euros) e uma comissão de 0,5% se quiser amortizar o crédito.

Porém, como contra ponto, esta é das entidades com uma Taxa Anual Efetiva Global (TAEG) mais baixa para jovens até 35 anos. Por isso, em alguns casos, poderá ainda assim compensar avançar com esta entidade.

As taxas de juro aplicadas num crédito moto novo costumam ser mais baixas que num para uma moto usada.

Para ajudar o leitor a saber analisar uma proposta destas entidades, iremos dar um exemplo de um jovem de 30 anos que pretende adquirir um crédito moto de 7.000 €.

Vamos comparar as propostas para um prazo de pagamento a 36 meses (3 anos) e outro a 60 meses (5 anos).

Portal Do Crédito

Crédito Moto a 36 Meses

ENTIDADE TAEG MENSALIDADE COMISSÃO ABERTURA
ActivoBank 8,1% 210,43 € 7.844,28 €
Cofidis 8,9% 217,31 € 7.946,36 €
Cetelem 7,7% 213,72 € 7.817,12 € 
Dados retirados das financeiras em janeiro de 2023

Para um crédito moto a 36 meses o Activobank é a entidade que apresenta a mensalidade mais baixa. Porém, a TAEG e o Montante Total Imputado ao Consumidor (MTIC) acaba por ser superior à proposta do Cetelem – proposta mais baixa.

Neste caso isso acontece, em parte porque, como referido anteriormente, no ActivoBank é necessário pagar comissão de abertura de 2% – neste caso 140 €.

Se a mensalidade for elevada para as finanças de uma pessoa, será necessário simular com um prazo de pagamento mais alargado.

Crédito Moto a 60 meses

ENTIDADE TAEG MENSALIDADE COMISSÃO ABERTURA
ActivoBank 7% 132,74 € 8.233,20 €
Cofidis 8,9% 141,44 € 8.609,60 €
Cetelem 8,3% 139,53 € 8.495,00 €
Dados retirados das financeiras em janeiro de 2023

Para prazos de pagamento mais elevados, o ActivoBank, além de ter a prestação mais baixa, é aquele que apresenta o MTIC inferior.

Porém, enquanto o custo do financiamento para um prazo de 36 meses era de 7.817,12 €, para um prazo de pagamento de 60 meses o valor sobe para 8.233,20 €.

Ou seja, quanto maior for o prazo de pagamento, mais caro irá sair o empréstimo.

Encontre o equilíbrio entre o prazo de pagamento ideal e o total que irá pagar pelo empréstimo.

Portal Do Crédito

Independentemente de ser um crédito habitação ou um crédito para consumo, um empréstimo terá sempre custos associados.

Neste caso, terá de estar atento aos seguintes custos:

  • Comissões: como abertura de contrato e amortização antecipada. Em algumas entidades o cliente está isento destes custos;
  • Imposto de Selo: ao contrário das comissões, um cliente terá sempre de pagar impostos pelo crédito solicitado – valor já incluído no custo total do crédito;
  • Seguros de Crédito: algumas financeiras obrigam a incorporação de um seguro com diferentes coberturas;
  • Taxa Anual Efetiva Global (TAEG): a TAEG engloba a Taxa Anual Nominal (TAN), impostos e restantes encargos – é o principal valor que irá determinar o custo total do crédito.

A TAEG máxima que as entidades financeiras podem aplicar num crédito é regulada pelo Banco de Portugal.

Portal Do Crédito

Para conseguir um crédito mota barato, existem diversos fatores que deverá ter em consideração:

  • Montante Solicitado: evite pedir mais do que o necessário. Além de aumentar as taxas de juro que irá pagar no final por ter de alargar o prazo de pagamento, irá aumentar o seu risco de incumprimento com a financeira;
  • Prazo de Pagamento: para conseguir o melhor crédito moto deverá selecionar o prazo de pagamento menor possível, mas que lhe permita ter uma prestação mensal sem comprometer a sua saúde financeira;

Caso falhe o pagamento de uma prestação, o seu nome irá entrar na Lista Negra do Banco de Portugal.

  • Reserva de Propriedade: um crédito moto com reserva de propriedade (dar como garantia o próprio veículo) significa diminuir as taxas de juro associados ao contrato. Por isso, se tiver essa opção, pondere fazer a reserva;
  • Analisar Propostas: analise as propostas através da Ficha de Informação Normalizada (FIN) – obrigatoriamente disponibilizada pela financeira. Esteja atento a taxas, comissões iniciais e custos por amortizações;
  • Procurar Diversas Financeiras: existem dezenas de financeiras com ofertas de crédito, por isso, procure por diferentes ofertas. Quanto maior for a sua pesquisa, maior será a probabilidade de encontrar um crédito que vá ao encontro das suas necessidades.

Como alternativa, pode procurar uma intermediária de crédito que atue em Portugal e solicitar uma simulação.

A intermediária irá procurar no mercado qual a entidade com a proposta mais barata – processo não tem custos nem compromissos associados ao cliente.


Portal Do Crédito

Consiga o Melhor Crédito!

Avaliação Grátis 100% Online Sem Compromisso

RECOMENDADO

SIMULAR JÁ

Como referido no ponto aterior, para determinar o melhor crédito moto para a sua carteira terá obrigatoriamente de fazer e pedir simulações em diversas entidades financeiras.

Para fazer uma simulação basta entrar no website da entidade como a Cetelem ou Cofidis e selecionar a finalidade de crédito automóvel ou crédito moto.

A seguir deverá preencher o simulador com o montante que procura e o prazo de pagamento que pretende.

De forma automática irá ter uma ideia de qual será a prestação mensal que terá de suportar com base nos valores indicados.

O próximo passo será avançar com o processo, preencher os dados e enviar a documentação solicitada. Só assim a financeira poderá avaliar e aprovar, ou não, o seu pedido.

Se o seu crédito for aprovado pela entidade, não é obrigado a assinar e avançar com o processo de financiamento.

Portal Do Crédito

Por forma a conseguir um crédito para motociclos, deverá enviar diversa documentação para a financeira para que esta possa analisar e aprovar o empréstimo solicitado.

Assim, por norma, os documentos necessários são os seguintes:

  • Documento de Identificação: cartão de cidadão;
  • Comprovativo de Morada Fiscal: cópia de fatura da luz, telecomunicações, etc.;
  • Comprovativo de IBAN: solicitar no multibanco ou no seu banco online;
  • Comprovativo de Rendimentos: últimos recibos de vencimento ou modelo de IRS, ou pensão, etc;
  • Mapa de Responsabilidades: clicar em “Central de Responsabilidades de Crédito” no website do Banco de Portugal e descarregar o documento;
  • Nota de encomendas/Fatura pró-forma: se a mota for nova.

Mapa de Responsabilidades de Crédito do Banco de Portugal é um documento onde consta o seu histórico relativo a qualquer crédito que esteja no seu nome ou do qual seja fiador.

Não se preocupe, a entidade responsável pelo seu processo irá ajudá-lo a completar cada um dos passos necessários para obter o financiamento deseja.


Portal Do Crédito

Consiga o Melhor Crédito!

Avaliação Grátis 100% Online Sem Compromisso

RECOMENDADO

SIMULAR JÁ

Em muitas financeiras em Portugal, para pedir um crédito mota deverá solicitar um crédito automóvel (engloba todo o tipo de veículos). Esta opção tomada pelas entidades deve-se muito pela procura por crédito por este tipo de veículo ser mais reduzido.

Sabia Que

Segundo o Pordata, em 2021 haviam 256,542 veículos ligeiros e 39.174 motociclos a circular nas estradas portuguesas.

Apesar desta particularidade, as entidades que destacam o seu crédito para motos oferecem diversas vantagens.

Além das taxas de juro não serem muito elevadas, em muitas financeiras não irão pagar comissões de abertura de crédito nem comissão de amortização – caso queira amortizar o crédito em algum momento da vigência do contrato.

Não se esqueça, contudo, que pedir um crédito requer responsabilidades, por isso, se tiver com problemas financeiros e acha que poderá falhar um prazo de pagamento, aconselhamos a procurar diferentes alternativas de financiamento.

Perguntas Frequentes

O que é um crédito moto?

Um crédito moto é um financiamento cuja finalidade é comprar uma moto nova ou usada. Este género de crédito normalmente pode ser adquirido na forma de crédito automóvel em algumas entidades financeiras em Portugal.

Como pedir um crédito para mota?

Para pedir um crédito para a sua mota deverá fazer uma simulação online numa entidade que ofereça crédito moto. Em alguns casos poderá pedir este crédito através de um crédito automóvel.

A seguir deverá indiciar o montante a financiar, prazo de pagamento pretendido e preencher e enviar alguns documentos que serão prontamente indicados.

Onde pedir um crédito moto?

Poderá pedir um crédito moto em diversas entidades financeiras em Portugal. Todavia, destacamos a Cetelem, Cofidis, ActivoBank e Younited Credit por diferenciarem crédito automóvel de crédito moto e por apresentarem diversas vantagens interessantes para o consumidor.

Quanto tempo demora a obter financiamento para uma moto?

Os tempos de aprovação e financiamento poderão variar conforme a entidade financeira e o montante solicitado. Porém, se pedir o crédito moto online, poderá conseguir obter uma aprovação em 24 horas e financiamento na sua conta bancária em 48 horas úteis após o envio do contrato assinado.